Buscar
  • MIGALHAS.COM.BR

Ampliação do limite do consignado para cartão de crédito vai à sanção


O Senado aprovou nesta terça-feira, 29, a MP 681/15, que amplia de 30% para 35% o limite do crédito consignado. Os cinco pontos percentuais extras, no entanto, apenas podem ser usados para quitar dívidas com cartão de crédito.

O limite é válido para trabalhadores celetistas e aposentados e pensionistas do INSS. Servidores públicos federais também poderão contar com o aumento de limite dos descontos direcionados exclusivamente ao pagamento de cartão de crédito.

Ao editar a MP, o governo argumentou que o mercado de crédito está em um momento de "contração relevante", e que o aumento no limite do crédito consignado para cartões de crédito é uma opção interessante, pois não traz riscos para as instituições financeiras e nem onera muito os tomadores.

Veto

Em maio a presidente Dilma vetou o aumento de 30% para 40% do teto do crédito consignado, quando sancionou a lei 13.126/15. A justificativa foi de que a mudança poderia comprometer a renda das famílias além do desejável e levar ao aumento da inadimplência, comprometendo o esforço do governo federal no combate à inflação.

#AtualidadesJurídicas

0 visualização
  • Instagram
  • Facebook
  • LinkedIn

Possiede Araujo Advocacia 
contato@possiedearaujo.com.br

(67) 3222.8097 / 9 8111.4466 
Rua Antônio Maria Coelho, 4531, CEP: 79021-170, Campo Grande - MS