• Instagram
  • Facebook
  • LinkedIn

Possiede Araujo Advocacia 
contato@possiedearaujo.com.br

(67) 3222.8097 / 9 8111.4466 
Rua Antônio Maria Coelho, 4531, CEP: 79021-170, Campo Grande - MS

Buscar
  • IDEC.ORG.BR

Celular roubado ou perdido? Saiba o que fazer


Quem nunca teve um celular roubado, furtado ou perdido pode se considerar uma pessoa de sorte. Por hora, 63 aparelhos são roubados nas capitais brasileiras, segundo levantamento realizado por uma seguradora em 2015.

Em março de 2016, pelo menos, ficou mais fácil para o consumidor bloquear a linha e o aparelho perdido. A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) determinou que as operadoras de telefonia móvel devem realizar o bloqueio pelo número do celular, dispensando a necessidade de informar o IMEI - sequência numérica criada internacionalmente para identificar os celulares.

A exigência de informar o código de IMEI dificultava o bloqueio, pois, sem o aparelho em mãos, em geral, as únicas fontes dessa informação são a caixa em que o celular foi vendido ou a nota fiscal, que nem sempre são acessíveis no momento de urgência. Por isso, para o Idec, a simplificação do procedimento representa uma avanço.

Além disso, em alguns estados é possível solicitar o bloqueio do celular na delegacia, ao registrar o boletim de ocorrência do roubo ou furto do aparelho. Desde março de 2016, o sistema está disponível na Bahia, Ceará e Espírito Santo. Havia expectativa de parceria breve com as polícias de Goiás, Mato Grosso, Rio de Janeiro e São Paulo.

Aviso rápido

Comunicar a ocorrência à operadora o quanto antes é fundamental para evitar cobranças indevidas pelo uso da linha e também para impedir o acesso de terceiros a informações e arquivos pessoais registrados no celular - com o bloqueio, o aparelho é inutilizado.

Ao fazer a solicitação, é importante anotar o número de protocolo de atendimento, a fim de comprovar que o pedido foi realizado. Com o protocolo, o consumidor pode solicitar a gravação da ligação, se necessário.

Celular de segunda mão

Ao comprar um celular usado, é importante verificar sua procedência e checar ele não consta dos registros de aparelhos bloqueados. Para isso, é possível consultar o site https://www.consultaaparelhoimpedido.com.br/, por meio do número de IMEI.

Com o aparelho em mãos, é simples encontrar o código. Basta fazer uma ligação para: *#06#. Se o celular estiver em condições de uso, o resultado da busca vai informar "Não cadastrado na base".

#DireitodoConsumidor

0 visualização